sexta-feira, 7 de maio de 2010

Sala de aula

Antonio, diretor e proprietário da escola Idéia, mal sabia que eu nunca havia dado aula de inglês. Precisava trabalhar, lecionar era a única saída. Tinha fluência no falar, possuía o certificado de Cambridge, mas não tinha experiência.
A aproximação a cada grupo de alunos ou aluno individual era como abrir caminho no cerrado do nordeste. Não era apenas o método que fazia a diferença, era como usá-lo, ter um bom jogo de cintura e, não deixar a peteca cair. Meus primeiros alunos foram senhores executivos, uma verdadeira prova de fogo, mas eu me saí bem!

Um comentário:

  1. parabens inez, eu admiro suas historias continue assim abraços

    ResponderExcluir